comportamento

 

Se for propriedade de alguém, deve evitar conversas reservadas com outros Dominadores (as), diálogos inadequados (como cantadas ou palavras com conotação maliciosa), atritos ou discussões para não expor o nome do Dono a situações constrangedoras.

No caso de uma submissa livre, observe primeiro o nível das pessoas da sala e procure aproximar-se daqueles que mais se identificam com suas expectativas. Você não é obrigada a ser chamada de “cadela” ou outros adjetivos depreciativos por quem não lhe interessa.

A linha de conduta ideal é a do bom senso, bloqueie os inconvenientes e respeite a hierarquia daqueles que lhe interessam. Intimidades de chamamento do tipo “você” ao dirigir-se a um Dominador, nem sempre são muito bem vindas. Tenha isso em mente se for dirigir-se a alguém que lhe despertou atenção. Outros não gostam de ter seu “reservado” (conversa privada) invadido, solicite antes se pode conversar reservadamente.

Observe por algum tempo os comportamentos na sala, dessa forma você terá uma referência de como deve ou não relacionar-se com determinadas pessoas.

Não se intimide com criticas ou comentários de submissas e pessoas na sala, muitos que estão ali usam Nicks falsos ou estão com o propósito de tumultuar. Se for abordada ou abordar alguém, procure ser clara e objetiva naquilo que busca, lembre-se de que isso pode ser o inicio de uma relação e a falta de transparência vai comprometer o prazer de ambos. Submissas são conduzidas e educadas à vontade do Dono (consensualmente), portanto, cabe somente a ele (Dominador) dizer que comportamento espera de você.